Delta testa opção de embarque com reconhecimento facial.

Delta testa opção de embarque com reconhecimento facial.

Em parceria com a alfândega dos Estados Unidos, a Delta Air Lines lançará o primeiro teste de embarque biométrico no aeroporto metropolitano de Detroit (DTW). O protótipo é baseado na experiência de vários anos dos projetos piloto no aeroporto internacional de Atlanta Hartsfield-Jackson e no aeroporto John F. Kennedy, de Nova York.

Para participar, os clientes que tiverem em mãos os passaportes, e estiverem viajando a partir do portão A36, podem optar por embarcar na aeronave usando a tecnologia de reconhecimento facial. O passageiro deverá se aproximar da câmera, aguardar a captura da imagem, receber o comprovante e, em seguida, embarcar.

“A expansão da tecnologia de reconhecimento facial para este aeroporto internacional, e hub da Delta, é uma evolução natural depois das melhorias que fizemos nessa opção de embarques em parceria com a CBP”, afirma o diretor de Operações da companhia, Gil West.

Atualmente, o teste está disponível em um voo por dia, onde os clientes também podem experimentar o Airbus 350 da Delta. Nos próximos meses, estará disponível em todos os voos internacionais que saírem por esse portão.

O procedimento é considerado um facilitador, visto que não exige o cartão de embarque ou o celular para embarcar, porém o passageiro pode optar pelo procedimento padrão — bastando avisar ao agente do aeroporto.

 

Fonte: Panrotas

Compartilhe este post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove + dez =