LENÇÓIS MARANHENSES: Um oásis verde-amarelo

LENÇÓIS MARANHENSES: Um oásis verde-amarelo

Com cenários impressionantes, construídos pela natureza ao longo de 155 mil hectares, os Lençóis Maranhenses são uma imensidão de areia e água, onde dunas e lagoas se completam, formando paisagens de tirar o fôlego. Paraíso dos apaixonados por sol, calor, turismo de aventura e esportes ao ar livre, a região integra ainda a Rota das Emoções, um passeio que inclui no roteiro destinos turísticos dos estados de Piauí e Ceará, como a Área de Proteção Ambiental do Delta do Parnaíba e o Parque Nacional de Jericoacoara.

Com um visual cinematográfico, o passeio pelo maior campo de dunas do Brasil, acessado por veículos 4×4, pode ser dividido em circuitos. Os mais conhecidos são os que passam pelas Lagoas Azul e Bonita, as quais, por sua vez, englobam outras belezas naturais, como as Lagoas da Esmeralda, do Peixe e até a do Clone, batizada assim por ter servido de cenário para a novela de mesmo nome.

Barreirinhas, a 254 km da capital São Luís, é o maior polo comercial e hoteleiro da região e, também, o principal ponto de acesso a alguns dos cartões-postais mais visitados do destino: o Rio Preguiças e as Lagoas Azul e Bonita.

Atrações Noturnas: Após o pôr do sol, o agito se concentra na Avenida Beira Rio, em Barreirinhas, que é a maior cidade da região ao entorno do parque. Situada nas proximidades do Rio Preguiças, é por lá onde ficam os bares, restaurantes e apresentações musicais que animam as noites dos visitantes.

Compras: O melhor lugar para encontrar uma lembrança típica da região, como os artesanatos locais feitos com fibra de buriti (um tipo de uma palmeira) ou cerâmica, é no centrinho da cidade de Barreirinhas.

Eventos importantes:

Vaquejada Regional dos Lençóis Maranhenses/Barreirinhas (julho)
Lençóis Jazz e Blues Festival (agosto)

Paradas tradicionais:

Além de fazer parte do caminho para o Parque Nacional, já que é preciso fazer uma travessia de balsa, o rio Preguiças oferece aos navegantes um apanhado de atrativos, que incluem mergulhos, contemplação da paisagem local e passeios de voadeira (embarcação movida a motor) em direção a vilas de pescadores situadas às suas margens. Algumas delas são, Atins que é indicada para aficionados por kitesurfe, windsurfe e stand up paddle; e Mandacaru, endereço do Farol das Preguiças (ou Farol de Mandacaru), de onde se tem uma linda vista panorâmica.

Dica de Tour:

O Maranhão é uma das cidades nordestinas que a variedade de hospedagem, calor, praia e belas paisagens, além da gastronomia, fazem da região um local disputado o ano todo por brasileiros e estrangeiros. A dica é começar o tour com um passeio de voadeira pelo rio Preguiças, com várias paradas para curtir a paisagem colorida das dunas de areia que se formam sobre o leito do rio e a pequena vila de pescadores Mandacaru, onde o atrativo é um farol de mais de 50 metros que permite vista panorâmica da região.

No dia seguinte, é hora de conhecer o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. O único local de aparência desértica do mundo que fica entre um rio e um oceano. A viagem de Barreirinhas até a entrada do parque leva cerca de meia hora, em caminhonetes adaptadas. Ao chegar, se depare com a impressionante paisagem dos 155 mil hectares de dunas, lagoas coloridas, áreas de restinga e ricos manguezais do parque. Na chegada, os visitantes deixam as caminhonetes e seguem a pé até a primeira lagoa. Por conta desta caminhada, o melhor é ir descalço ou de sandálias, já que os tênis vão se encher de areia. Há vários circuitos de visitação propostos pelos guias de acordo com a programação e com o preparo físico do grupo. Há lagoas maiores e menores. Com águas transparentes ou mais puxadas para o verde. Rodeadas por vegetação e até uma lagoa repleta de peixes.

Ficou interessado nos Lençóis Maranhenses?

Para maiores detalhes, entre em contato com nossa equipe.

Compartilhe este post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 + dez =